Pular para o conteúdo principal

Empreendedor que perdeu tudo dá a volta por cima e hoje colabora com o sucesso dos negócios dos outros

Após histórico de tentativas frustradas de negócios, fundador da “A Magia do Mundo dos Negócios” comanda empresa hoje com média de faturamento anual acima de R$1 milhão

Porque algumas empresas dão certo e outras não? O que diferencia as corporações e empresários de sucesso? Empreendedores que não querem fazer parte da grande maioria das empresas no Brasil que não chegam a completar cinco anos de existência devem ficar atentos à alguns pontos fundamentais para o bom desempenho de um negócio: planejamento, operação, metas e, acima de tudo, uma razão de ser. A história a seguir exemplifica bem essa situação!

A liberdade de tomar as próprias decisões e depender somente de si – no comando –para obter os resultados e lucros desejados é um dos  grandes atrativos para as pessoas. E foi nisso que Marcus Bernardes, diretor e fundador da A Magia do Mundo dos Negócios, um dos maiores portais sobre negócios e empreendedorismo do país, se inspirou, ao ver o irmão mais velho dando o exemplo. “Sempre admirei muito o estilo de vida que ele levava: tendo seu próprio horário e sendo inteiramente responsável pelos próprios erros e acerto. Isso, com certeza, me influenciou de alguma forma”, conta ele.

Atualmente, a empresa registra uma média de faturamento mensal de R$100 mil, com forte crescimento na área de eventos. “O portal e seus eventos já chegaram em todo o Brasil e chegaram a países como os Estados Unidos. E estão no nosso radar China e Portugal”, adianta o diretor.

Marcus, que passou por cinco negócios diferentes – de locadora de videogames até estacionamento e lojas de óculos e roupas – chegou a sua última decepção em 2013, com o fechamento de duas empresas da área de móveis, em Porto Alegre (RS). “Com pouco mais de um ano de existência, elas faliram. “Na época, o mercado imobiliário estava aquecido e os apartamentos cada vez menores exigiam a compra de móveis projetados para otimização de espaço – uma excelente oportunidade de negócio!”, lembra.

Mas o que deu errado então? Erros no projeto de expansão e equipes mal formada; erros muito comuns a todo novo empreendedor. Mas o importante é aprender com eles. E foi isso que Marcus fez. “Quando decidimos expandir os investimentos e abrir a segunda loja de móveis, perdemos o foco. Formamos equipes desqualificadas e não tínhamos conhecimento técnicos suficientes para manter as empresas”, lamenta. E o resultado foi impactante. Marcus chegou a voltar para a casa da mãe, pois teve que se desfazer dos seus bens materiais.

A VOLTA POR CIMA

Mas foi justamente essas experiências que o impulsionou a criar o portal A Magia do Mundo dos Negócios, fundado em 2013.  E o negócio, que surgiu como um hobby, atualmente soma mais de 100 mil visitas por mês, enquanto seu Facebook já possui 350 mil seguidores, com um alcance de mais de 6 milhões de pessoas por mês. “Sempre admirei o universo do empreendedorismo. Então investi na minha qualificação e comecei a participar de eventos da área, e a me informar inteiramente sobre o mundo dos negócios”, conta.

Assim ele criou a página da A Magia do Mundo dos Negócios no Facebook para compartilhar suas próprias experiências, textos, frases, vídeos, artigos, dicas de livros, de filmes entre outros materiais importantes sobre o assunto. Então, veio a ideia. Por que não fazer desse compartilhamento de conhecimento uma forma de ajuda a novos empresários e empreendedores. Mas o que ele não poderia imaginar é que isso viraria “o próprio negócio”.

Em junho de 2015, com a entrada de sócios, a “A Magia do Mundo dos Negócios” se tornou uma empresa, passando a atuar em diferentes vertentes como e-commerce, expedições de negócios nacionais e internacionais, eventos empresariais e – o mais recente e novo serviço – agenciamento de palestrantes, para workshops, palestras e treinamentos pelo Brasil todo. E desde 2015 até hoje, seu faturamento simplesmente quintuplicou. “A média de faturamento anual da Magia hoje é de R$1 milhão”, revela Bernardes. “E nossa meta para 2017 é triplicar o rendimento da empresa”, revela.


FAZENDO A DIFERENÇA

Além do conhecimento técnico, planejamento e gestão eficiente, para Marcus, é importante que o novo empreendedor no Brasil não caia na cilada do agir com “o jeitinho brasileiro”. Para ele, para as empresas de sucesso não existe sorte e acaso – tudo é pensado estrategicamente. Quem segue o pensamento ‘vamos levando e se o cliente reclamar aí a gente arruma’, tão comum no nosso país, não chega a lugar algum”, acredita. Além disso, ele acredita que a busca pela perfeição e atenção aos detalhes são fundamentais para uma empresa com bons resultados.

Segundo ele, muitas pessoas querem mais ter do que ser e isso é um fator decisivo no sucesso ou falência de um negócio. “Não estou dizendo que não é pra pensar no lucro, afinal, isso é o que mantém uma empresa viva. Mas, saber o porquê ela existe e qual o seu propósito faz toda a diferença. O dinheiro acaba se tornando consequência”, enfatiza. “A única vez que criei algo sem pensar em ganhar dinheiro, e sim em ajudar as pessoas, foi a única vez que deu certo”, finaliza.

NOME INSPIRADOR

De onde vem o nome “A Magia do mundo dos negócios”? Segundo Marcus, o Walt Disney é um dos exemplos máximos de empreendedorismo.  “Foi sonhador, focado em seus objetivos e, acima de tudo, obcecado pela perfeição”, reforça. Assim, inicialmente o nome do portal  seria ‘Mundo dos Negócio’, mas, baseado em “Mundo mágico da Disney”, acabou se tornando “A Magia do Mundo dos Negócios”.
E, por ser referência mundial pelo bom atendimento e estratégias infalíveis em proporcionar momentos únicos aos visitantes, a “A Magia do Mundo dos Negócios” promove expedições frequentes ao local. “O objetivo é mostrar a donos de empresas, empresários, executivos, gerentes, supervisores o exemplo de empreendedorismo com a marca que mais entende do assunto ‘encantar clientes’, a Disney”.

A primeira expedição promovida pelo portal foi realizada em maio de 2014, a segunda em novembro de 2015 e a próxima está programada para de 06 a 10 de novembro, desse ano. 

RAIO X - MARCUS BERNARDES

. Naturalidade: brasileiro
. Formação acadêmica: superior incompleto
. Idade: 36 anos
. Reside em: Curitiba (PR)
. Hobby: ler, viajar e ver filmes
. Um sonho: Impactar e ajudar a vida de muitas pessoas
. Ídolos: Walt Disney, Steve Jobs e Ayrton Senna
. O bom empreendedor é aquele que…? Nunca desiste.


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Enfeites de Natal em potes, vasos e garrafas de vidro

Pra quem ama artesanato e enfeitar a casa para o Natal, a hora é agora. Deixo abaixo algumas dicas para fazer com taças, garrafas, potes e vasos de vidro: 


















TDAH: uma forma diferente de ver o mundo

Fernanda Santiago
O TDAH é um transtorno que inclui dificuldade de atenção, hiperatividade e impulsividade. Em geral, os sintomas começam na infância e podem persistir na vida adulta. Por ser um transtorno com característica genética, não tem cura. Porém, antes de rotular qualquer TDAH são pessoas que possuem inteligência e habilidades como as outras.  Achei este vídeo abaixo muito interessante. É muito difícil impor um padrão para o TDAH. Para os educares, seria muito bom prestar atenção na maneira que eles tentam se comunicar. O menininho do vídeo mostra grande interesse pela música. Será que os pais e os educadores estão preparados para perceber as habilidades e o interesse dessas crianças? Vale a pena conferir! Além disso, também há tratamentos através de medicamentos e da psicoterapia. 

Atypical, o que você precisa saber sobre o autismo

Fernanda Santiago Valente Você quer saber um pouco mais como é a vida de um garoto com o transtorno do espectro autista que está entrando na vida adulta? Para isso vale a pena assistir a série Atypical que está na Netflix desde o começo do mês de agosto. Não tem como não se apaixonar pelo personagem Sam, que está na fase de descobertas e quer arranjar uma namorada. É nessa busca pela paixão que se desenrola a história. Vamos entender como funciona a sua personalidade e como a situação afeta aqueles que estão ao seu redor. Algo muito interessante a se observar é a relação dele com a psicóloga. Sam se apaixona por ela. Isso é muito comum acontecer com paciente e profissional de sexos opostos, geralmente os pacientes que tem algum tipo de transtorno sempre se apaixonam por seus psicólogos.


Sam, apresentando os sintomas mais nítidos do espectro autista é um adolescente que tem sentimentos como qualquer outro. A única diferença é que seus sentimentos não são interpretados de forma comum. O ro…