Pular para o conteúdo principal

O Carnaval e suas diversas expressões é tema de programação especial no SescTV

As atrações vão ao ar do dia 24 a 28 de fevereiro

Lamartine Babo. Foto: Emidio Luisi.

Quatorze programas, entre documentários, dramaturgia, debate, shows, séries e espetáculo de dança, abordam o Carnaval e suas diversas expressões do dia 24 a 28 de fevereiro, no SescTV.

As exibições começam com a dramaturgia de Antunes Filho em Lamartine Babo, dirigida por Emerson Danesi e encenada pelo Centro de Pesquisa Teatral – CPT, do Sesc. No espetáculo, que vai ao ar no dia 24/2, sexta, às 23h, um grupo de atores - que prepara uma homenagem ao compositor - recebe a visita do misterioso Silveirinha.

No dia 25/2, sábado, às 12h, é a vez do documentário Espia Só, dirigido por Saturnino Rocha. A produção mostra a trajetória do maestro e compositor gaúcho Octávio Dutra (1884 – 1937), autor de mais de 500 músicas, entre choros, sambas e valsas. Outro documentário, A Linha e o Passo, de Talita Miranda, retrata a identidade visual das ruas de Recife no carnaval, no dia 28/2, terça, às 15h30. 

Diversos sons que permeiam a maior festa brasileira podem ser apreciados em cinco episódios da série Coleções, com direção geral de Belisario Franca. O primeiro, Carnaval, narra histórias de dois blocos cariocas: Cordão do Boitatá e Cacique de Ramos, no dia 25/2, sábado, às 13h30. O segundo, Frevo, fala sobre esse ritmo, tanto na música como na dança, no dia 26/2, domingo, às 13h30. Já o episódio Samba Enredo aborda a tradição das composições feitas para desfiles de carnaval nas principais escolas de samba do Rio de Janeiro, no dia 27/2, segunda, às 11h. Neste mesmo dia, às 16h, Folguedos: Afoxé apresenta o ritmo Ijexá; e, ainda neste dia, às 23h30, Patrimônios da Humanidade – Centro Histórico de Olinda (PE) mostra a cidade que é berço do tradicional carnaval de bonecos gigantes.

Voltando ao dia 25/2, sábado, às 21h, vai ao ar Praça da Estação BH, episódio da série Arquiteturas, dirigida por Paulo Markun e Sergio Roizenblit. A produção fala sobre a ocupação cultural da população em locais do centro de Belo Horizonte, a começar pela Praça da Estação, local do projeto Praia da Estação e do carnaval de rua. No mesmo dia, às 22h, o show Paula Lima e D. Ivone Lara cantam Clementina de Jesus lembra canções que marcaram época na voz da homenageada. Outro show, Ska Maria Pastora, traz, no dia 26/2, domingo, às 18h, o noneto pernambucano que funde ska e frevo, com influências do jazz, reggae, da ciranda, entre outros.

Ainda no dia 26/2, domingo, às 17h, vai ao ar O Samba Pede Passagem, da série Contraplano, dirigida por Luiz R. Cabral. A produção analisa o samba como identidade cultural a partir dos filmes: Garotas e Samba (1957), direção Carlos Manga; O Mandarim (1995), direção Júlio Bressane; Paulinho da Viola – Meu Tempo é Hoje (2003), direção Izabel Jaguaribe; e Cartola – Música Para os Olhos (2006), direção Hilton Lacerda e Lírio Ferreira. Com participação do professor de filosofia Celso Favaretto e do artista plástico Luiz Aquila.

O canal apresenta ainda outras três atrações com o tema carnaval, todas no dia 28/2, terça. Às 17h, o episódio Alegorias e Estresse nas Avenidas, da série Estilhaços, dirigida por Kiko Goifman; às 18h, a coreografia Sapatos Brancos, encenada pelo Núcleo Artístico Luís Ferron, exibida na série Dança Contemporânea, com direção para TV de Antonio Carlos Rebesco; e, às 23h, O Choro da Cuíca, da série Temporal, também com direção de Kiko Goifman, mas desta vez em parceria com Olivia Brenga.

SERVIÇO:

Dramaturgia: Lamartine Babo
Dia: 24/2, sexta, às 23h
Dramaturgia: Antunes Filho
Direção: Emerson Danesi
Classificação indicativa: 10 anos

Documentário: Espia Só
Dia: 25/2, sábado, às 12h
Direção: Saturnino Rocha
Classificação indicativa: Livre

Coleções: Festas Brasileiras: Carnaval
Dias: 25/2, sábado, às 13h30
Direção geral: Belisario Franca
Classificação indicativa: 10 anos

Arquiteturas: Praça da Estação BH
Dia: 25/2, sábado, às 21h
Direção: Paulo Markun e Sergio Roizenblit
Classificação indicativa: Livre

Show: Paula Lima e Dona Ivone Lara cantam Clementina de Jesus
Dia: 25/2, sábado, às 22h
Classificação indicativa: Livre

Coleções - Ritmos: Frevo
Dia: 26/2, domingo, às 13h30
Direção geral: Belisario Franca
Classificação indicativa: 10 anos

Contraplano: O Samba Pede Passagem
Dia: 26/2, domingo, às 17h
Direção: Luiz R. Cabral
Classificação indicativa: Livre

Instrumental SESC Brasil: Ska Maria Pastora
Dia: 26/2, domingo, às 18h
Direção Geral: Max Alvim
Classificação indicativa: Livre

Coleções: Samba Enredo
Dia: 27/2, segunda, às 11h
Direção geral: Belisario Franca
Classificação indicativa: 12 anos

Coleções: Folguedos Populares: Afoxé
Dia: 27/2, segunda, às 16h
Direção geral: Belisario Franca
Classificação indicativa: Livre

Coleções: Patrimônios da Humanidade – Centro Histórico de Olinda
Dia: 27/2, segunda, às 23h30
Direção geral: Belisario Franca
Classificação indicativa: Livre

Documentário: A Linha e o Passo
Dia: 28/2, terça, às 15h30
Direção: Talita Miranda
Classificação indicativa: Livre

Estilhaços: Alegorias e Estresse nas Avenidas
Dia: 28/2, terça, às 17h
Direção: Kiko Goifman
Classificação indicativa: 10 anos

Dança Contemporânea: Sapatos Brancos
Dia: 28/2, terça, às 18h
Direção: Antonio Carlos Rebesco
Classificação indicativa: 12 anos

Temporal: O Choro da Cuíca
Dia: 28/2, terça, às 23h
Direção: Kiko Goifman e Olivia Brenga
Classificação indicativa: 10 anos

Para sintonizar o SescTV:
Canal 128, da Oi TV
Ou consulte sua operadora
Assista também online em sesctv.org.br/aovivo
Siga o SescTV no twitter: http://twitter.com/sesctv




Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Enfeites de Natal em potes, vasos e garrafas de vidro

Pra quem ama artesanato e enfeitar a casa para o Natal, a hora é agora. Deixo abaixo algumas dicas para fazer com taças, garrafas, potes e vasos de vidro: 


















TDAH: uma forma diferente de ver o mundo

Fernanda Santiago
O TDAH é um transtorno que inclui dificuldade de atenção, hiperatividade e impulsividade. Em geral, os sintomas começam na infância e podem persistir na vida adulta. Por ser um transtorno com característica genética, não tem cura. Porém, antes de rotular qualquer TDAH são pessoas que possuem inteligência e habilidades como as outras.  Achei este vídeo abaixo muito interessante. É muito difícil impor um padrão para o TDAH. Para os educares, seria muito bom prestar atenção na maneira que eles tentam se comunicar. O menininho do vídeo mostra grande interesse pela música. Será que os pais e os educadores estão preparados para perceber as habilidades e o interesse dessas crianças? Vale a pena conferir! Além disso, também há tratamentos através de medicamentos e da psicoterapia. 

Atypical, o que você precisa saber sobre o autismo

Fernanda Santiago Valente Você quer saber um pouco mais como é a vida de um garoto com o transtorno do espectro autista que está entrando na vida adulta? Para isso vale a pena assistir a série Atypical que está na Netflix desde o começo do mês de agosto. Não tem como não se apaixonar pelo personagem Sam, que está na fase de descobertas e quer arranjar uma namorada. É nessa busca pela paixão que se desenrola a história. Vamos entender como funciona a sua personalidade e como a situação afeta aqueles que estão ao seu redor. Algo muito interessante a se observar é a relação dele com a psicóloga. Sam se apaixona por ela. Isso é muito comum acontecer com paciente e profissional de sexos opostos, geralmente os pacientes que tem algum tipo de transtorno sempre se apaixonam por seus psicólogos.


Sam, apresentando os sintomas mais nítidos do espectro autista é um adolescente que tem sentimentos como qualquer outro. A única diferença é que seus sentimentos não são interpretados de forma comum. O ro…