Vôlei, a segunda potência do esporte

Por Roberta Viana Fernandes

Olá, desta vez irei falar sobre um esporte que é considerado o segundo no Brasil em relação à popularidade, o Voleibol.

Com participação importante nas olimpíadas sempre trazendo muitas medalhas, o voleibol também é uma paixão nacional só perdendo espaço para o futebol.Talvez esse segundo lugar é reflexo da pouca visibilidade dos campeonatos nacionais em relação aos campeonatos de futebol.

Essa temporada 2016/2017 a federação brasileira de voleibol resolveu fazer os jogos em vários ginásios do Brasil, fazendo com que as pessoas das regiões onde nunca haviam visto um jogo de vôlei pudessem prestigiar o evento.

É impressionante como as pessoas adoram e possuem uma afeição com o jogo de vôlei, com os jogadores, com os treinadores. Como não citar Bernardinho, campeão olímpico, e que esse ano se aposentou da seleção brasileira e que agora só treina o time do Rio de Janeiro.Vencedor, espírito de guerreiro, Bernardinho contribuiu muito com a expansão do vôlei no Brasil e no mundo.

Os meios de comunicação deveriam fazer mais transmições dos jogos, mas infelizmente isso não acontece, só admiramos o esporte quando é o jogo final de uma Super Liga ou nas olimpíadas.

Enfim, o Brasil poderia ser bem mais democrático em relação ao gosto do brasileiro pelos esportes de menos visibilidade, se o espaço televisivo fosse mais democrático, pois como gostar de algo que não conhecemos?

E nunca esqueça, a coragem só nos leva adiante.


Comentários