Pai Herói

Por Luiz Augusto da Silva


Homem exemplar sem fraquejar 
mui rigoroso sabe educar.
Sempre enérgico no modo de agir
 é conservador ao corrigir.
O filho imaturo sem  entender 
com rebeldia sabe responder.
O pai herói envelhece
 e com o tempo o filho rebelde cresce.
O velhinho é ignorado
 e pelo seu filho querido é abandonado.
Assim é interrompido o conviver,
 porém o filho começa entender:
_ Que as idéias do pai eram muito corretas nas horas incertas.
Hoje reflete amadurecido...arrependido...entristecido...
Agora chora saudoso a pensar,
 por não ter mais o pai a orientar.

Olímpia - São Paulo.
Ano : 2012

Comentários