Quem eu sou no mundo?

Por Fernanda Valente

O que eu sou? Vamos refletir um pouco sobre quem somos? Tem gente que repete sempre o mesmo comportamento, achando que obterá resultado diferente. Devemos sempre nos perguntar: Por que postei essa foto no Facebook? Por que estou num trabalho que não me satisfaz? O que me alegra? Que tipo de sociedade eu quero ajudar a construir?
Não temos respostas para tudo, mas não podemos deixar de questionar sobre a vida. O que fazer para buscar o meu potencial? Como ser a melhor pessoa que posso ser? Se algo não me afetar, nunca buscarei ser quem realmente sou. O afeto só acontece se eu permitir.


Através de um exercício a partir de uma fotografia de infância, pude perceber o meu desenvolvimento. Encontrei traumas, saudade e momentos de felicidade. Pude ter um encontro com a minha criança escondida e refletir no que me tornei. Penso que foi um amadurecimento em relação de algumas habilidades que deixei para trás, mas uma aprendizagem daquilo que ainda posso desenvolver como ser humano. Afinal, sempre há tempo para nos desenvolvermos naquilo que melhor podemos ser. 

Comentários