Pular para o conteúdo principal

Proteja o palco secreto do coração!

Por Fernanda Santiago

Aprendi que a origem dos nossos pensamentos é aquilo que temos dentro do coração. Dentro do nosso coração guardamos sentimentos que geram ações. Algumas dessas ações nos farão bem ou mal. Podemos nos enganar não é mesmo? Mas como nos proteger se a maioria das vezes somos tão estúpidos?
Saber o que nos faz bem é a regra. Fazer o bem aos que nos cercam é outra regra. Guardar seus sonhos e planos apenas para àqueles que deliram e vibram junto com você é a última regra.
Creio que Deus é o primeiro a delirar com os nossos sonhos, mas muitas vezes deixamos de acreditar e abraçamos outros sonhos. Falhamos porque nos sentimos confusos. José é um dos homens que acho mais surpreendente na Bíblia, ELE enxergava os sonhos dele, acreditava poderosamente nos sonhos que Deus havia lhe dado, acabou sofrendo demais porque não protegeu seu coração. Saiu contando seus sonhos para todo mundo. Nem todos deliravam com ele. A diferença é que ELE persistiu e venceu.
Às vezes contamos os nossos sonhos às pessoas erradas, achamos que elas ficarão ao nosso lado para sempre, esperamos nessas pessoas para que venham nos acrescentar. Achamos que o sonho é nosso, mas não é.
Os seus sonhos são seus e Deus mostrará e unirá pessoas que farão que tudo aconteça. O segredo é não desistir. Fazer a sua parte e esperar. Não podemos ficar parados. Faça algo. Não desista facilmente. Acredite profundamente naqueles pensamentos que lhe fazem muito bem, que fazem bem ao próximo, que fazem bem a vida.
O poder de viver bem está em tudo o que carregamos dentro do coração. Arranque fora o que não presta e viva os seus sonhos. DEUS acredita neles!

Comentários

Minha Sintonia boa tarde !!!
Parabéns pelo seu argumento. Creio que os nossos sonhos não devem ser revelados para outras pessoas o tempo inteiro. A não ser para aquelas que sonham juntas no mesmo "formigueiro". Desculpe as palavras loucas do seu amigob poeta lá do Rio de Janeiro. (risos).Deus lhe proteja. Bjos ♡

Postagens mais visitadas deste blog

Enfeites de Natal em potes, vasos e garrafas de vidro

Pra quem ama artesanato e enfeitar a casa para o Natal, a hora é agora. Deixo abaixo algumas dicas para fazer com taças, garrafas, potes e vasos de vidro: 


















TDAH: uma forma diferente de ver o mundo

Fernanda Santiago
O TDAH é um transtorno que inclui dificuldade de atenção, hiperatividade e impulsividade. Em geral, os sintomas começam na infância e podem persistir na vida adulta. Por ser um transtorno com característica genética, não tem cura. Porém, antes de rotular qualquer TDAH são pessoas que possuem inteligência e habilidades como as outras.  Achei este vídeo abaixo muito interessante. É muito difícil impor um padrão para o TDAH. Para os educares, seria muito bom prestar atenção na maneira que eles tentam se comunicar. O menininho do vídeo mostra grande interesse pela música. Será que os pais e os educadores estão preparados para perceber as habilidades e o interesse dessas crianças? Vale a pena conferir! Além disso, também há tratamentos através de medicamentos e da psicoterapia. 

Atypical, o que você precisa saber sobre o autismo

Fernanda Santiago Valente Você quer saber um pouco mais como é a vida de um garoto com o transtorno do espectro autista que está entrando na vida adulta? Para isso vale a pena assistir a série Atypical que está na Netflix desde o começo do mês de agosto. Não tem como não se apaixonar pelo personagem Sam, que está na fase de descobertas e quer arranjar uma namorada. É nessa busca pela paixão que se desenrola a história. Vamos entender como funciona a sua personalidade e como a situação afeta aqueles que estão ao seu redor. Algo muito interessante a se observar é a relação dele com a psicóloga. Sam se apaixona por ela. Isso é muito comum acontecer com paciente e profissional de sexos opostos, geralmente os pacientes que tem algum tipo de transtorno sempre se apaixonam por seus psicólogos.


Sam, apresentando os sintomas mais nítidos do espectro autista é um adolescente que tem sentimentos como qualquer outro. A única diferença é que seus sentimentos não são interpretados de forma comum. O ro…