Pular para o conteúdo principal

Cinco lugares chilenos que são encantadores

Para quem gosta de frio, separei alguns lugares que vale a pena visitar, principalmente para quem pensa em curtir o inverno do Chile.


Esqui e Snowboard em Santiago

Neve nos Andes significa que é hora de começar a esquiar. As estâncias de esqui de Santiago são conhecidas por apresentar todas as mesmas facilidades que você esperaria de mais alto perfil de esqui na Europa ou na América do Norte, mantendo ao mesmo tempo uma sensação de deserto e liberdade nas pistas. Vale para os iniciantes e para os que já estão acostumados a praticar a aventura.




Viva a atmosfera no Chile Lake District

O Inverno no Chile Lake District é uma boa desculpa para se aconchegar ao lado de uma lareira, tomando uma taça de vinho chileno.  Além disso, a ideia de esquiar ao lado de um vulcão, é a maior aventura de inverno.




Cavalgar na Patagônia

A Patagônia como um todo tem mais de 1.043.076 quilômetros quadrados, por isso, há uma margem enorme para a variação nas condições de tempo e terreno. Embora muitas das montanhas estejam fora dos limites, as planícies emblemáticas da Patagônia são muitas vezes mais amigável no inverno do que durante os meses de verão, quando os ventos fortes da região estão muito mais feroz. Passear a cavalo na Patagônia no inverno sobre estas planícies infinitas significa que você não vai fritar no sol do meio-dia, deixando-o livre para desfrutar da paisagem de inverno espetacular.

Explore o deserto de Atacama

Embora o Deserto de Atacama não seja particularmente quente. É possível a visita em qualquer época do ano. Durante os meses de inverno, você também vai evitar o fenômeno "boliviano Inverno", que ocorre durante o verão, onde vigorosas nuvens de tempestade trazem chuvas em todo o planalto andino. No inverno é possível ver pássaros migrando de áreas mais ao sul através do deserto de Atacama, tornando este um grande momento do ano para apreciar a flora e fauna naturais de terras altas do Chile.

Caminhadas de um dia em Torres del  Paine

O parque nacional de Torres del Paine na Patagônia chilena é conhecido como a principal atração para os caminhantes e trekkers de todo o mundo. Eles vêm de longe para desfrutar  vários dias de trilhas para caminhadas, como o W Trek e o Circuito Torres del Paine. No entanto, no inverno, muitos percursos pedestres tornam-se inacessíveis devido à neve e condições meteorológicas extremas. A vantagem do inverno é que há muitas rotas que podem ser abordadas como caminhadas de um dia. Longe das multidões de verão, você terá o parque só para você, apreciando uma paisagem incrível.

Para informações sobre destinos e reservas, acesse o site ‘Visit Chile’: http://migre.me/nq6rk.


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Seres Especiais

Por Luiz Augusto da Silva

Devemos sempre insistir na busca dos ideais. Perseverar sem cansaço, até às metas finais. Recorrermos aos meios, humanos e materiais. Confiantes no apoio, dos Seres Especiais. Sermos sempre otimistas, acreditando nas forças divinas. Fortalecidos pelo altruísmo, impulsos que reanimam. Felizmente neste mundo, os amigos aparecem. Aumentam as energias, que aos idealistas fortalecem. Agosto /2008 (Modificado)

Ninguém pode limitar os seus sonhos

Por Fernanda Valente


E se uma garotinha surda decidir ser bailarina? Quem impedirá? Estamos aqui para incluir e transformar. Isso é o que você poderá conferir ao assistir o curta-metragem de animação Tamara, produzida e criada por House Boat Animation. O filme é muito interessante para passar em sala de aulas para explicar a diversidade às crianças. Está disponível na Internet e serve como ferramenta para promover valores como respeito e empatia. Tamara é uma garotinha surda que quer ser bailarina. Qual é a barreira que os professores e os alunos podem tirar disso?

Fernanda Valente - Jornalista com especialização em Educação Especial na Perspectiva da Educação Inclusiva. Estudou teatro, fazendo parte do Grupo GEXTUS (Grupo Experimental de Teatro da UniSantos). É Instrutora da Libras (Língua Brasileira de Sinais). Ministrou aulas de design gráfico para surdos. Trabalhou como produtora e repórter em alguns programas de TV regionais. Hoje se dedica a trabalhos de comunicação digital e ao …

Dois filmes sobre deficiência física para assistir no dia dos namorados

Por Fernanda Valente
Trago hoje dois filmes para reflexão. Como eu era antes de você é um filme que mexe com as nossas emoções. Porém, foge de toda a ideia que tratamos sobre a inclusão. Penso que o personagem na história, Will, que é tetraplégico joga fora tudo o que estamos vendo como evolução nos dias de hoje. A deficiência física é tratada como um caos, como algo sem solução, sem esperança, sem fé... É jogar fora todo o amor de Louisa. Veja o filme e entenda a minha frustração.



Já o filme Ferrugem e Osso, que também trata de um romance mostra uma construção rica e verdadeira de uma pessoa que adquire a deficiência física após um acidente. Vai mostrar a depressão, a adaptação, aceitação e novas possibilidades de vida. Não acabou. Há possibilidades. Há vida!



Feliz dia dos Namorados! Deixo abaixo uma linda poesia pessoal do meu amigo poeta Luiz Augusto que fala sobre construção familiar. 

O Cravo e a Rosa

Ainda um jovem cravo Uma rosa encontrei Com pétalas aveludadas Por ela me encantei
No j…