Pular para o conteúdo principal

6 dicas para criar hábitos de alimentação saudável nos filhos

                                                                                  *Por Tamiris Gaeta

Oferecer uma alimentação equilibrada e variada nos primeiros anos de vida do seu filho é importante para o desenvolvimento e rendimento na maturidade física e psicológica da criança. A formação dos hábitos alimentares começa muito cedo, portanto esta fase é fundamental para educar comportamentos e criar uma relação saudável com os alimentos para a vida toda. 
Segundo dados do Ministério da Saúde, aproximadamente 6,5 milhões de crianças e adolescentes estão acima do peso e já lutam contra a balança no Brasil. Desde cedo a criança deve acostumar-se a comer alimentos variados garantindo as quantidades adequadas de vitaminas e minerais que necessita para o crescimento, desenvolvimento e manutenção da saúde. 
O controle do que é oferecido nas refeições é extremamente fundamental, o ideal para ensinar as crianças a comer direito é uma mistura de exemplo e informação. Veja 6 dicas de como estabelecer uma relação saudável entre a criança e o alimento: 

Paciência: seja paciente, muitas vezes o que pode parecer rejeição aos novos alimentos é resultado de um processo natural da criança de conhecer novos sabores e texturas, é comum a criança aceitar novos alimentos apenas após algumas tentativas e não nas primeiras. 

Variedades no prato: ofereça uma alimentação variada, é importante que os pais tornem familiar aos seus filhos uma alimentação rica em frutas, verduras, legumes, cereais, grãos, leites e derivados, carnes e, principalmente, a ingestão de água. 

Controle: limite alimentos ricos em açúcar, sal e frituras, pois o seu excesso pode trazer problemas futuros à saúde, além de promover maior dificuldade de aceitação dos alimentos saudáveis, pois quanto mais sal e açúcar se consome, mais deles é necessário para deixar a comida palatável, e o resto parece ruim. 

Surpreenda: faça apresentações diferentes e variadas dos alimentos. Cabe aos pais se preocuparem com o que servir na mesa na hora das refeições, lanches para a escola, em passeios e finais de semana. 

Autonomia: envolva a criança no mundo dos alimentos, deixe-a se alimentar sozinha, manipular e conhecer os alimentos. 

Dê o exemplo: seja modelo e exemplo, procure fazer sua própria reeducação alimentar e com isso garantir a qualidade de vida de sua família e os futuros bons hábitos alimentares de seus filhos. O início pode mostra-se desafiador, mas ensinar hábitos saudáveis de alimentação às crianças é importante para a busca da qualidade de vida. 

 *Tamiris Gaeta é nutricionista do Programa Mente Leve Corpo Leve da Clínica Sintropia

Fotos: (banco de imagens Morguefile)



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Psicologia, Autoconhecimento e Autoestima: O reflexo de tudo

Por Fernanda Valente


No módulo de Psicologia do Desenvolvimento: quadros clínicos, da minha pós em Educação Especial e inclusiva, com a Dra. Patrícia Widmer, aprendi que estamos aqui neste mundo para problematizar as coisas e que o desafio da realidade é sempre diferente dos nossos planos. O que é o desenvolvimento e como ele acontece? Nosso senso comum faz parte da Psicologia. Este senso faz parte do nosso desenvolvimento. A Psicologia faz parte disso tudo. São os conhecimentos acumulado, intuitivo, espontâneo, vida prática, situações do nosso cotidiano que são diferentes do conhecimento cientifico: realidade e abstração. A Psicologia começou com a Filosofia a partir de questões existenciais. Nossa mente está relacionada a nossa psiquê, nossa alma, o inconsciente. Faz parte do cérebro, mas não estamos vendo. Ela está relacionada às nossas fantasias, devaneios, brincadeiras, imaginação, etc. É um conhecimento que acumulamos através das nossas vivências. A Psicologia vai estudar o ser h…

Dedicação e Amor

Por Luiz Augusto da Silva
Quando ainda menino Os estudos iniciava Sempre muito animada Minha avó me incentiva. Fazia tudo com carinho Do fundo do coração  Fortalecida pelo amor Com muita dedicação.  Preparava minha merenda Pãezinhos com goiabada Um prazer muito grande Na sua voz eu notava. Seguia-me ao portão  Até eu virar a esquina Seguindo o meu caminho Para uma escola pequenina. Durante a minha infância  Nunca vi nada igual O seu amor é bondade Transcediam ao natural. Hoje mais uma vez Relembrando o seu amor Com saudades faço votos: Que no seu descanso eterno Hajam hinos de louvor.
Agosto/2008 In Memorian: Henriqueta Maria  da Silva. (avó materna)

Na Medida Certa

Por Luiz Augusto da Silva

Ouça a voz do coração Voa com leveza Prova melhores sabores Sinta perfume das flores Tenha muitos amores Exercita a gratidão Elimina a tristeza Viva com realeza.
23/06/2017