Língua Brasileira de Sinais é tema de curso de extensão da FESPSP

Aulas de Libras começarão no próximo dia 8 de maio.

A história da educação de surdos no Brasil e no mundo é um dos temas abordados no curso de extensão de Libras – Língua Brasileira de Sinais, da FESPSP (Fundação Escola de Sociologia e Política de São Paulo), que iniciará no dia 8 de maio de 2017. "Com conteúdo prático e teórico, as aulas permitem que o aluno compreenda também as terminologias corretas na área da surdez e desmistifica conceitos errôneos em relação ao indivíduo surdo e sua atuação na sociedade", explica o professor Rubens Gomes, docente do curso. 
As aulas práticas incluem alfabeto manual, números, saudações, vocabulário básico e específico para a comunicação entre surdos e ouvintes, expressões não manuais e corporais. Enquanto as aulas teóricas abordam a cultura e a identidade surda, retrospectiva da história da educação dos surdos, inclusão do surdo na sociedade e Libras no Brasil e no mundo.
O curso de extensão em Libras é voltado a pesquisadores, alunos de graduação e pós-graduação, educadores, assistentes sociais, psicólogos, fonoaudiólogos, enfermeiros, deficientes auditivos e demais interessados. Voltado, também, a professores das diversas áreas de saber e níveis de ensino. Mais informações pelo telefone 3123-7800 ou 3123-7823 ou pelo e-mail extensao@fespsp.org.br. 
Serviço
Curso de Extensão – Libras
Local: Campus FESPSP – Rua General Jardim, 522 – Vila Buarque, São Paulo - SP
Período: 8 de maio a 26 de junho de 2017. 
Horário: Segundas-feiras, das 19h às 22h30. 
Carga Horária: 32 horas
Docente: Rubens Gomes

Divulgação

Comentários

Anônimo disse…
Querida amiga,aprendo muito contigo.Pensava que libras fosse apenas um código de comunicação através de sinais.No entanto é muito mais:_é a liguagem das pessoas especiais.Estou certo?
Fernanda, boa tarde e Deus lhe ilumine sempre no cumprimento da sua divinal missão vocacional.Beijos no coração! ♡♡♡♡
Anônimo disse…
Luiz Augusto da Silva