Pular para o conteúdo principal

Workshop para desacelerar a mente

Por Darrell Champlin

Imagem: Roberto Noe Puga Hernandez
Pesquisas indicam que 90% das pessoas consideram-se estressadas ao limite, sofrendo de variados níveis de ansiedade e a caminho de desenvolver doenças (bem) mais sérias. Já dados da Organização Mundial da Saúde mostram que a depressão, cuja origem frequentemente está na ansiedade, é a terceira doença mais prevalente do mundo, perdendo apenas para doenças coronárias e câncer. A humanidade está cada vez mais doente, e a indústria farmacêutica afirma ter solução para tudo na forma de um comprimido para isso, uma cápsula para aquilo e uma injeção para aquele outro. Hoje, é moda recorrer a ansiolíticos (as conhecidas tarjas pretas) até para tratar de dor no joelho. Ao promover a cura instantânea para todas as moléstias que nos afetam, as farmacêuticas efetivamente estragam milhões de vidas enquanto lucram horrores.
Workshop de gestão de estresse

O que a indústria dos remédios (e muitos médicos) não querem que você saiba é que controlar o estresse, a ansiedade e, em última análise, a depressão é possível, está ao alcance de todos e, sobretudo, sem consumo de medicamento algum. E é isso que proponho demonstrar nesse workshop.

Se você está por um fio por causa do estresse, dorme mal, tende a explodir à toa e sofre de dores em lugares do corpo que nem sabia que existiam, venha descobrir como fazer mudanças simples em sua vida, em como vê o mundo, em suas expectativas (principalmente com relação a você mesmo), reaprender a focar em sua respiração e, acima de tudo, a prática da meditação podem realinhar você com você. Não é milagre, não acontece de um dia para o outro e requer um pouco de dedicação, mas funciona para todos e contagiará até o ambiente que lhe cerca.

Serviço

WorkshopComo desacelerar uma mente acelerada na era da ansiedade.
Público-alvo: pessoas de todas as idades interessadas em reduzir seus níveis de estresse e ansiedade.
LocalSmart Center
R. José Caballero, 15 - Gonzaga, Santos - SP, 11055-300
Data: 18 de maio de 2017
Horário: 19h, pontualmente (pede-se a gentileza de chegar pelo menos dez minutos antes do horário de início)
Valor do investimento: R$ 70, com direito a um exemplar de meu novo livro, iEu, como desacelerar uma mente turbinada na era da ansiedade. Este valor pode ser parcelado em até duas vezes no cartão de crédito.

Faça a sua inscrição no site:


*Informações retiradas do site Intelligentsia, de Darrell Champlin 

Comentários

Anônimo disse…
Bom dia ! Parabéns pela publicação.Certamente ajudará muita gente que quado doente recorre a medicamentos laboratoriais enquanto a cura está no poder da mente.Espero que o meu comentário seja coerente.
Abraços fraternais e fiquemos na paz !
Anônimo disse…
Luiz Augusto da Silva
Fernanda Valente disse…
Sim Augusto... infelizmente, às vezes, temos que recorrer a tratamentos. E pelo que eu soube, sair das medicações é um processo.

Um abraço da amiga, Fernanda

Postagens mais visitadas deste blog

Terminou a folia!

Terminou a folia;  não tirei a fantasia;  só transmito alegria; nada de melancolia. Sou Palhaço! Meus nervos são de aço. com meus versos,  meus sentimentos disfarço.  Sou Palhaço! Com nariz avermelhado; sapato pontiagudo; roupa colorida: No picadeiro,  a platéia alegro;  não iludo - convenço. Assim, conduzo a vida sem perder o compasso... Sou Palhaço! Sou Palhaço! 
13/02/2018 Luiz Augusto da Silva Olimpia - São Paulo

Os benefícios da caminhada

Fernanda Santiago
Existem inúmeras atividades físicas, mas a caminhada tem a menor taxa de abandono de todos eles. É simples e a mudança positiva que você pode fazer para efetivamente melhorar sua saúde cardíaca. Praticar a caminhada por pelo menos 30 minutos por dia pode ajudá-lo: Reduzir o risco de doença cardíaca coronáriaMelhorar a pressão arterial e os níveis de açúcar no sangueMelhorar o perfil lipídico no sangueManter o peso corporal e diminuir o risco de obesidadeMelhorar o bem estar mentalReduzir o risco de osteoporoseReduzir o risco de câncer de mama e de cólonReduzir o risco de não insulino-dependente (tipo 2) diabetes

São muitos benefícios para uma atividade tão simples. Se você mora perto da praia, melhor ainda. Se não tem uma praia próxima, procure um parque.  Caminhe, respire fundo e aprecie tudo ao redor. O corpo agradece!

A tradicional sopa de cebola francesa

Fernanda Santiago Valente Quem é que não gosta de uma sopa no tempo frio? Aqui no Brasil, muitos recomendam a sopa de cebola para quem está com dor de garganta ou gripado. Eu vou além. Amo todos os tipos de cremes e sopas, mas a de cebola tem um sabor especial. A sopa tradicional da cozinha parisiense merece toda a atenção.Algumas lendas da França afirmam que a sopa de cebola foi inventada por Louis XV, quando passavam por uma crise. Ele só tinha cebolas, manteiga e champanhe como alimentos, assim como toda a população de baixa renda. A receita ganhou novos temperos ao decorrer dos anos e conseguiu conquistar todo o mundo, principalmente nós brasileiros, pois amamos nos deliciar com uma sopinha nos períodos frios, não é mesmo? Ainda nas tradições parisienses, a sopa serve para alimentar também as emoções do dia do tão sonhado casamento. Eles tem o hábito de consumir a sopa após a festa. Isso se repete também em grandes eventos. Se por acaso acordarem de ressaca, também consomem a sopa,…